Ir para o Portal Estácio
Voltar

Blog

412241-PEA211-543

Vale a pena investir na continuidade da sua formação?

Escrito por:

Dar continuidade aos estudos é a opção mais certeira para quem almeja crescer profissionalmente. Contudo, algumas dúvidas surgem entre aqueles que já se formaram: fazer uma segunda graduação? Uma pós? Um Master in Business Administration – MBA? Mestrado? Doutorado? Cursos de extensão? Com o mercado cada vez mais exigente e competitivo, a graduação passou a ser considerada apenas pré-requisito nas organizações.
Segundo pesquisa da Catho, site de classificados de empregos, 90% dos profissionais buscam novas qualificações e conhecimentos. E isso é extremamente valorizado no mercado de trabalho. “As empresas reconhecem e valorizam pessoas que não criam barreiras para esses investimentos e que assumem o autodesenvolvimento como diferenciais, afinal, já passamos da era em que a empresa trazia as soluções e criava padrões para todos”, afirma Bruna Morais, coordenadora da Educare – Universidade Corporativa Estácio.

Dados da 54ª edição da Pesquisa Salarial da Catho Educação mostram que profissionais com cargo de coordenação, que têm pós-graduação, podem ter salários 53,7% maiores em comparação aos que não possuem a formação. Confira na reportagem do G1 o comparativo para outros cargos. Essa demanda do mercado por profissionais mais bem qualificados ajudou a incrementar o portfólio de cursos oferecidos no Brasil. Segundo informações divulgadas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) mostram que, entre 2007 e 2017, o número de cursos de doutorado cresceu de 2.061 para 3.398. Os de mestrado acadêmico cresceram 65% e os do tipo mestrado profissional subiram de 156 para 703. “Conhecimento é um diferencial em qualquer fase da carreira, pois é através do aprendizado de novos conceitos, trocas e práticas que as pessoas podem explorar suas ideias e alavancar seus resultados profissionais”, explica Bruna.

Antes de escolher o seu próximo curso, fique atento as dicas abaixo:
1. Mapeie seus objetivos profissionais e avalie se o curso desejado te ajudará a alcançá-los;
2. Busque um curso que contemple teoria e prática, e que possibilite o estudo de casos reais do mercado;
3. Por que não escolher um curso a distância? Hoje, as instituições oferecem cursos com alta qualidade que são ideais para quem busca flexibilidade de horário;
4. Converse com pessoas que já fizeram o curso para saber se acharam que o conteúdo agregou conhecimento e se a instituição de ensino oferece boa estrutura e;
5. Comprometa-se! Não deixe que o curso se torne apenas um dado no seu currículo. Dedique-se ao máximo durante as aulas e troque informações com professores e colegas

Estudar sempre vale a pena. Ter instrução, formação e conhecimento são atalhos para subir na carreira, galgar novos postos e ganhar salários compatíveis com o mercado. E você? O que está esperando para reciclar seus conhecimentos, e investir na continuidade da sua formação?