Ir para o Portal Estácio

Ser líder ou liderado? Confira algumas dicas para encarar as temidas dinâmicas

Escrito por:

Frio na barriga? Ansiedade à flor da pele? Rindo de nervoso? Fique tranquilo! Participar de uma dinâmica de grupo presencial ou on-line não é nenhum bicho de sete cabeças.

Na dinâmica de grupo, o recrutador conhece as suas habilidades comportamentais e identifica se você possui as competências exigidas pela empresa. Em outras palavras, ele observa como você se comporta em ocasiões, como aquela no ambiente de trabalho, e como você atua em grupo.

Diante disso, inúmeras dúvidas vêm à cabeça, não é mesmo? Na dinâmica de grupo, devo ser o líder ou o liderado? Segundo Jorge Martins, diretor da Bullseye Executive Search, consultoria de recrutamento e seleção de executivos, não existe uma receita. “Ambas as posições são muito ricas. A resposta correta dependerá do perfil de cada candidato, ou seja, pessoas mais introspectivas, podem ter mais dificuldade em liderar na dinâmica”, explica.

Para Jorge, ainda que cada organização tenha a definição de suas competências, em regra, nas dinâmicas de grupo, os recrutadores, observam a capacidade de escutar, de interpretar, de executar, de se comunicar, de interagir e de se relacionar, além da linguagem corporal de cada avaliado (menos possível quando on-line).

E como funciona a dinâmica de grupo on-line? “É feita por meio de aplicativos como Skype, Hangout e sua capacidade máxima costuma ser de seis pessoas”, esclarece Jorge. De acordo com pesquisa realizada pela consultoria de RH, Matchbox, cerca de 32% dos candidatos das dinâmicas on-line são desclassificados, pois têm problemas de conexão e estabilidade da internet, áudio baixo e câmera que não consegue filmar adequadamente. “A dinâmica on-line nunca é feita de surpresa. Portanto, esteja em local adequado, com uma ótima conexão de internet (preferencialmente por cabo para evitar oscilações), tenha um bom fone de ouvido para melhorar o áudio e evitar “ecos” e teste o equipamento e a rede antes da conexão principal”, orienta o diretor da consultoria.

E o que o candidato deve prestar atenção nas dinâmicas on-line? “Um dos erros mais comuns é a falta de preparo. É importante estar em um ambiente silencioso, colocar o computador ou telefone em um local fixo, para evitar o balanço dos braços, não ter interrupções e animais de estimação no mesmo ambiente e estar vestido adequadamente, como em uma reunião presencial”, esclarece Jorge.

Por fim, confira as dicas do especialista de como se comportar em uma dinâmica on-line e em grupo:

Pesquise sobre a empresa demandante da vaga;
Vista-se de forma elegante (esporte fino é a vestimenta mais adequada);
Saiba se impor sempre com respeito aos outros integrantes da dinâmica;
Esteja preparado para saber como se diferenciar dos outros participantes, de forma inteligente e destacando sua personalidade, com as políticas da empresa (de maneira discreta);
Demonstre liderança, compreensão, boa capacidade de oratória e relacionamento interpessoal.