Ir para o Portal Estácio
Voltar

Blog

juiui

Quer se tornar atrativo para o mercado de trabalho e não sabe como? Nós te ajudamos!

Escrito por:

Diante de um mercado altamente competitivo, do avanço da tecnologia e da crise econômica que assola o país, cada vez mais as organizações estão em busca de candidatos qualificados, que conseguem ser multitarefa. E isso não é novidade. Não basta ter uma carreira profissional estável, formação acadêmica e domínio de um idioma. É preciso mais.

Segundo André Nolasco, diretor da Michael Page, um dos maiores players mundiais em recrutamento especializado, nesse cenário desafiador, a competição ficou muito acirrada e as pessoas precisam se diferenciar para conseguir boas colocações. Ele recomenda ao profissional que:

Dê sequência na educação por meio de cursos de pós-graduação, MBAs ou especialização;
Exponha bem as realizações obtidas ao longo da carreira;
Seja capaz de fazer uma autoavaliação precisa, reconhecendo seus pontos de desenvolvimento e o que vem fazendo para aprimorá-los;
Identifique e atrele seus valores com os valores da empresa para a qual tenha interesse em trabalhar;
Seja você mesmo, demonstre entusiasmo pela oportunidade e pesquisa bastante sobre a empresa para a qual está concorrendo.

Para se sobressair e se manter na disputa por uma vaga, o profissional precisa apresentar diferenciais, como conhecer profundamente o negócio, o mercado, as tendências e tudo o que envolve sua área de atuação.
Para Nolasco, é preciso ser autêntico, verdadeiro e curioso.
Os recrutadores mais experientes identificam quando o profissional está falando aquilo que ele acha que o entrevistador quer ouvir. Isso é um ‘tiro no pé”, acrescentou.

Hoje, muitas posições no mercado não são divulgadas. Porém, as oportunidades podem ser mapeadas via networking que, na opinião de Nolasco, é um canal-chave para quem busca uma colocação.
Os profissionais devem manter sua rede de contatos sempre ativa e em expansão. Isso deve ser um hábito e não uma ação pontual feita nos momentos de desemprego e/ou necessidade de recolocação”, explica.

Nesse caso, as dicas são: Participe de cursos e palestras relacionadas à área de atuação,é uma excelente oportunidade para troca de informações e ampliação de Networking;
Mantenha um bom relacionamento com headhunters, independentemente de estar em processo de transição ou não, isso ajuda muito na hora em que o profissional realmente precisa buscar uma nova oportunidade no mercado.

Quer saber mais sobre o assunto? Clique aqui e confira outras dicas!